DICAS

8 ideias para presentear o recém-nascido
8 ideias para presentear o recém-nascido


Conheça as alternativas e evite repetir o que todo mundo vai dar 

Receber a notícia de que o bebê de alguém querido nasceu é uma delícia. Em seguida, vem a dúvida: o que comprar para presentear a criança? As possibilidades são tantas que dá até para se perder nas ideias ou então, caminhar para o outro extremo, e optar pelo bom e velho macacãozinho RN de sempre. Para ajudar a variar a surpresa, CRESCER conversou com a blogueira Shirley Hilgert, do Macetes de Mãe, e com a personal shopper Miriam Wu, do Tips for Mommy. Confira as dicas:

Tal mãe, tal filho

Uma alternativa charmosa é combinar presentes para a mãe e para o bebê. Você pode comprar um babador-bandana para o recém-nascido e um lenço com uma estampa parecida para a mãe. No mercado, há várias marcas que já vendem os itens em kits, em tamanho adulto e infantil. Tem sapatos, camisetas, vestidos...

Quadro personalizado 

O quadro personalizado contém as informações do recém-nascido, como nome completo, dia do nascimento, peso, hora do nascimento, centímetros. Dá até para usar no quartinho como decoração (só não vale cobrar isso da mãe). Mas atenção: só faça essa escolha se tiver certa intimidade com a família. Isso porque antes de encomendar o quadro, você vai precisar dos dados do bebê. Se não houver tanta proximidade, a situação pode ser constrangedora para os novos pais, que podem não se sentir à vontade. É um presente diferente e tem tudo para ser lembrado com carinho pela família.

Naninhas

Existem opções mais simples e outras mais elaboradas, mas a essência é um bichinho com textura agradável para ajudar na hora de dormir. Tem alguns paninhos com cabecinhas de animais em pelúcia e tecido tipo plush e até versões que emitem sons diversos, como os que imitamcachoeira, chuva, útero… Tudo para estimuar o sono. Sem contar que, de tão fofos, funcionam também como decoração, de tão fofos. super bonitinho para ficar próximo ao berço ou carrinho, é um produto bem útil.

Fraldas de boca e toalhas

Tão úteis quanto os macacões e body, mas um item que pouca gente pensa na hora de escolher um presente, é a fralda de pano. Tanto as menores, que servem para limpar a boca do bebê quando ele mama, come ou baba, quanto as maiores, que ajudam a secá-lo depois do banho, podem ser colocadas entre o bebê e o trocador, entre outras funções emergenciais – que só quem tem filhos entende. Existem modelos simples e outros com acabamento mais elaborado, com tecidos coloridos, bordados e apliques. Baoa opção também para quem não quer gastar tanto.

Produtos de higiene

Xampu, colônias e sabonete são um tiro certeiro, mas fique atento ao perfil dos pais. A exigência deles em relação a marcas e aromas pode influenciar a sua escolha. Além disso, é bom checar se o bebê não possui nenhum tipo de alergia aos componentes.

Body bebê e macacãozinho 

Muita gente quer dar algo diferente e acaba errando porque o que se usa mais é o básico. Por isso, o o body e o macacão são escolhas certeiras.  Se for comprar roupas, só tente fugir do tamanho RN ou P, que são usados por pouquíssimo tempo. Como a maioria das pessoas costuma escolher os menores, prefira os tamanhos M ou G. Vai levar mais um tempo para você ver o bebê usando seu presente, mas a mãe ficará feliz, porque as crianças crescem muito rápido nessa fase e acabam perdendo o guarda-roupa em poucos meses.

Fraldas

Pode ser clichê, mas elas são sempre necessárias. Nesse caso, também é interessante comprar tamanhos M e G. Assim a criança vai ter estoque para usar lá na frente, quando estiver maior. E passa tão rápido...

Baby sling

É um pouco mais caro, mas vale a pena. Além de aliviar as cólicas do recém-nascido, o sling é uma ótima opção de presente porque ajuda a aumentar o vínculo do bebê com a mãe. Sem falar que é uma maneira de conseguir carregar a criança e executar outras tarefas ao mesmo tempo. Ele fica preso e bem pertinho do corpo da mãe, que consegue ficar com os braços livres.

Cuidado com o mico

Flores

Tudo bem. As flores são lindas e é sempre uma delícia recebê-las. No entanto, principalmente no caso de quem vai levar o presente na maternidade, pode não ser uma boa ideia. Há hospitais que não permitem que as flores permaneçam no quarto, por conta do risco de alergias que elas podem desencadear no bebê. Deixe para presentear com flores quando for à casa da família e lembre-se de verificar se a criança não tem mesmo nenhum tipo de alergia.

De olho na temperatura

Roupas são sempre úteis para o bebê, mas se for dar uma peça maior, para que ele use mais para frente, tente pensar na estação do ano. Por exemplo, se o bebê nasceu no inverno e você quiser da um macacão maior, para ele usar quando tiver cinco ou seis meses, pense que já será verão. Melhor dar algo apropriado, mais fresquinho. Se você comprar uma roupa desse tamanho e se ela for muito quente, ele não vai conseguir vestir. Até porque para o próximo inverno, a peça pode já ser pequena. Sim, os bebês crescem muito rápido.

E a mãe? Não ganha nada?

Livros

A maternidade é um momento de descobertas. Portanto, um auxílio para aprender mais sobre a nova fase é sempre bem-vindo, principalmente se for uma mãe de primeira viagem. Que tal dar a ela um livro que fale sobre o assunto?

Cesta de café

Reunir em uma cesta alguns cereais, frutas e outros alimentos nutritivos - e gostosos! - para presentear a nova mãe é uma alternativa que pode sair do óbvio e demonstrar que você não pensou só no bebê. Às vezes, com um pequenino nos braços, ela quase não tem tempo de pensar na própria comida e vai se lembrar de você com carinho quando encontrar a comidinha.

Fonte: Revista Crescer

  • Drª. Maryevellym Barboza Santos
    Especialidade: Cardiologia       CRM: 9110

8 ideias para presentear o recém-nascido | Clivive Especialidades Médicas em Vila Velha - ES

 
Converse via
WhatsApp